quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Decompondo uma composição

 O começo é a busca por um tema
Dado o tema me vem a cena
E nela eu crio uma ilusão
As vezes me perco em busca de um bom refrão
Mas o que realmente queremos é transmitir uma emoção
Almejamos criar baladas que embalem corações apaixonados
Que crie sorrisos em rostos calados
Mas e o refrão?
Qual era mesmo?
“Eu”, apenas primeira pessoa do singular
Juro solenemente brincar
Usar esse poder para criar, recriar, revolucionar
                                                                                     Não são apenas palavras e acordes
                                                                                     Isso é muito mais que poesia
                                                                                     Isso é música

  Marcelo Dhosh

3 comentários:

Diogo P.Campos disse...

Bela poesia... =]

Obrigado por ter passado no meu blog. Fico feliz que aquelas poucas palavras tenham lhe feito bem...

Ótimo final de semana!

^^

Kim Sousa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kim Sousa disse...

Lia, adorável como sempre... gostei do titulo e do post, bem legal e a cara do seu blog mudou de novo... abração...